• Todeschini é sucesso em Cuiabá há 26 anos

    data

    Postado por: em DEZ 22, 2014 Decoração


    Todeschini, uma marca que veio para ficar com a família Linhares, incontestável dizer o contrário, quando os primeiros passos são uma incursão na loja Todeschini Fernando Correa. Charmosamente instalada com 900 metros quadrados (m²) de showroons e uma área total de 2,400m² com uma aura de sofisticação e bem-estar dominantes.

    Não é segredo que a marca é uma das mais respeitadas do país em móveis planejados, mas não é do conhecimento de todos a relação entre a marca e a família Linhares. O começo desta história não inspira o glamour moderno desta marca, nem tão pouco a sofisticação ditaram os rumos desta trajetória, mas o trabalho árduo e valoroso é o que arquitetaram os capítulos deste vitorioso encontro, entre a Todeschini e os empreendedores, e porque não, desbravadores Linhares.

    Uma viagem ao tempo, chegamos à década de 80, no pequeno município de Vidal Ramos, Santa Catarina, com ares bucólicos, ditado pela arquitetura enxaimel, herança dos colonizadores alemães, o patriarca da família Linhares desejou mais do que permanecer na cidade tipicamente turística com vivida expressão colonial.

    Imbuído do desejo de ser fazendeiro, arriscou, e atravessou o país com a esposa e os filhos em um caminhão, foram semanas na estrada com destino ao estado que prometia um próspero e trabalhoso recomeço, Mato Grosso. A parada ocorreu após um percurso de quase três mil quilômetros, em Juruena, na época. Era apenas uma vila, e os Linhares foram a terceira família a se instalar.  O lugar era tipicamente rústico, com pouca, ou sem nenhuma infraestrutura.

     

    “Nossa mudança ficou por 60 dias no caminhão, uma moradia de improviso, não imaginávamos o que o futuro poderia nos reservar diante desta empreitada”, relembra Alcir.

    Nesta época Alcir Linhares, completara 18 anos, e não compartilhava o ideal camponês do pai, mas mantinha o espírito empreendedor, em querer mais, produzir, crescer. E assim, chegou a Juína, exerceu atividades no Departamento de Estradas e Rodagens de Mato Grosso (Dermat).

    Deixar o estado de origem, Santa Catarina, foi o start de grandes mudanças, Juína e Juruena foram apenas pontos de parada, as trilhas de uma vida próspera eram ainda uma meta não alcançada, nesta trajetória seu Alcir seguiu para Cuiabá, chegando à capital em 1985.

    “Eu não aceitava entregar minha força de trabalho a algo que não mudaria a minha vida, que não iria permitir ter a vida que desejava à minha família, eu sabia que podia mais, ainda não havia encontrado o meu caminho, mas não desistia de buscá-lo”, relembra.

    Vendedor

    Com a filosofia de crescer, galgou todos os degraus possíveis, desde offyce boy, vendedor, e até serviços gerais, tarefa que acumulava em uma pequena loja de um amigo, ainda sem saber, ali começou a paixão pelas vendas e pelo setor moveleiro. “Fui convidado a ser vendedor de uma loja, aceitei na hora, foi meu primeiro emprego em Cuiabá”.

     

    Foi o primeiro degrau na área comercial, o segundo que teve que subir, foi a venda da pequena loja. “Meu amigo vendeu a loja, e eu fui vendido também, (conta com gargalhadas) esta foi a condição do negócio, o novo proprietário foi obrigado a me manter na empresa. Mas não deu certo. Seis meses se passaram e com ele um novo obstáculo à frente, mais um degrau alcançado logo depois, com um novo emprego em uma loja”.  

    Encontro com o Destino

    “Neste novo emprego no ano 1988, como vendedor conheci os produtos Todeschini, na época a marca não tinha lojas próprias”, conta. Após cinco anos em contato com os produtos Todeschini foi convidado a gerenciar a primeira loja da marca em Mato Grosso.

    A grande experiência lhe rendeu, cinco anos depois, total proximidade com a Todeschini. Alcir foi novamente ousado, se desligou da empresa que gerenciava, e em 1998 foi ao Rio Grande do Sul, em Bento Gonçalves, a viagem até a fábrica era um pedido pessoal de emprego. “Eu queria ser representante da marca em Mato Grosso, queria uma relação de trabalho direto com a empresa. Eu não imaginava, mas ali estava rompendo uma grande barreira, foi um divisor de águas em minha vida”.

    Dois anos foram suficientes para Alcir Linhares definir aonde, de fato, queria chegar. “Provei à Todeschini meu potencial, e ideal de elevar a marca em Mato Grosso, com competência e profissionalismo de perfil empreendedor. No ano 2000 fui novamente tomado pelo ímpeto de ousar mais, queria ser lojista, e não mais representante comercial da marca, não estava mais disposto a ser um intermediário. Precisava passar mais tempo com minha família, com meus filhos, queria parar com as constantes viagens. E propus compartilhar com eles um legado. Ter uma loja que representasse com exclusividade a marca Todeschini se encaixava perfeitamente no meu ideal, mas sabia que não seria um papel simples. Eu teria que mais uma vez provar à Todeschini que um de seus melhores representantes iria abrir mão da função, para ser lojista”, relembra.

    Demonstrando confiança, e resiliência fui novamente ao RS, mais com ares de aviso, do que propriamente de permissão. “Minha decisão não agradou a empresa de imediato, houve recusa em aceitar minha demissão de representante, para ser um lojista que representasse a marca. Houve resistência, mas eu estava irredutível e cheguei para negociar. A prova é que antes de partir para o Sul, já havia alugado um espaço físico em Cuiabá e teria dado início à reforma para abrigar a marca como deveria”, explica.

       “Eu sabia que poderia fazer dar certo. Meu projeto era nobre para mim e para a Todeschini, cresceríamos juntos em Mato Grosso. A consolidação era questão de tempo. Eu estava recriando o posicionamento da marca perante o mercado”, define.

    E neste ímpeto, jogada de mestre, nasceu mais uma loja Todeschini em Cuiabá, na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, o início foi um sucesso, com a abertura posterior de outras duas lojas.

    Inovadora

    Em 2011 o que era um grande sucesso se tornou uma imensa vitrine piloto em Cuiabá. O empresário Alcir Linhares seguindo o traçado empreendedor, marca registrada em sua carreira, mais uma vez saiu na frente entre todas as lojas Todeschini do país. Fechou duas lojas em Cuiabá e uma em Várzea Grande, para que todos os holofotes focassem apenas “A grande loja” Todeschini Fernando Correa.

    “A fusão das três empresas está à altura do que a marca Todeschini representa ao mercado de móveis planejados, qualidade, evolução, requinte e conforto”, define.

     

    No novo espaço foi investido R$ 1,5 milhão, saltando de 15 funcionários nas três extintas lojas, para 55 em apenas uma. Abocanha 40% do mercado total de planejados na região metropolitana, tendo quadruplicado o faturamento. Com o desempenho notável, seu Alcir Linhares reconstruiu com excelência o posicionamento da marca Todeschini em todo o país, sendo membro do G9, um grupo de empresários que representa a Todeschini e define a cada 90 dias do ano estratégias de mercado da marca.

    Todeschini Brasil

    75 anos de fundação

    220 lojas no Brasil

    A sede da Todeschini: Bento Gonçalves, RS

     


Sobre

Construtora São Benedito

Para informar com mais dinamismo e interagir com os seus clientes, a Imobiliária e Construtora São Benedito criou este Blog que facilitará o acesso às notícias e novidades que envolvem tudo sobre a SB, seus empreendimentos e demais notícias da construção civil, tudo isso para interagir com os internautas.



(65) 3627-5555


Avenida Historiador Rubens de Mendonça, em frente ao Comper, Nº - Jardim Aclimação
Cuiabá - Mato Grosso - CEP: 78.050-973


separador